quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

Anjo sem asas

Não tenha medo
deixe que teu sofrimento escorra pelos olhos
enquanto o sorriso de cada dia 
vai moldando a máscara que tens mostrado a sociedade.
Corra para teus pensamentos escondidos
que hoje a escuridão te acolhe de braços abertos.
Os mandamentos do mundo vão continuar a predominar
os olhares irão permanecer cheios de desejo,
as línguas não se casaram de julgar,
e o amor ainda está ali, no fundo do bar
se entupindo de bebida barata
no completo esquecimento...
Não corra atrás do tempo perdido
sabes bem que não há luz no fim do túnel.
Apenas repouse a cabeça no travesseiro 
e deixe que teus sonhos te guiem
para esse campo cheio de flores
onde ainda te espero
Anjo sem asas. 


Daniela Silva

19 comentários:

Bell disse...

Vivemos um tempo de máscaras sociais.

bjokas =)

jair machado rodrigues disse...

Olá Dani, grata surpresa nesta visita que te faço...teu texto foi um soco no estômago, mas sem dor,pois a dor escorreu há muito por meus olhos, que hoje secos, nada dizem, nada olham, mesmo vivendo na solidão eterna, no vazio, na escuridão...isso tudo porque não sou nativo desta aldeia que vim parar na busca de paz e encontro um tempo perdido, que não é mais meu. Sempre esperei por um anjo que ajudasse a levantar para poder ver melhor as flores do campo, mas ele não vem...hora de acordar.
Uma delícia de post, obrigado.
ps. Carinho respeito e abraço.

Milene Cristina disse...

A liberdade de ser o que se é. Sem peso, sejamos verdade, para que a vida seja mais leve. Beijo Dani.

Mari Torres disse...

Muitas vezes acabamos escondendo o que realmente estamos sentindo, não é mesmo? Mas temos que ser fortes, tirar a máscara e vestir um sorriso verdadeiro. Tudo passa! Adorei o post :) beijos!

www.entorpecendo.com

Fábio Murilo disse...

Que lindo! De uma delicadeza tocante, Dani. Beijos!

Simone Lima disse...

Dani, tua escrita é de uma leveza e uma força enormes.
Atualiza sempre, vai ^^

Beijoo'o ;*

Vitor Costa disse...

Teu doloroso texto foi como uma terapia, algo que se diz enquanto fechamos os olhos e regredimos. Assim que me senti, totalmente imerso nessa reflexão belíssima.

Beijos Dani

Rapha Barreto disse...

E que os sonhos te guiem, que o passado passe, e que o amor prevaleça!
Obrigada pelo comentário em meu blog, me motivou!!

Beijos
http://mylife-rapha.blogspot.com

Ariana Coimbra disse...

Transborde sempre seus sentimentos, sendo bons ou ruins.
Faz bem pra alma.

Beijo

Lu Sam disse...

Tuas palavras representaram bem aqueles momentos em que a única coisa que nos fará esquecer do pesadelo real é tentar deitar a cabeça no travesseiro e sonhar. Belas palavras.
ótimo blog.
beijos.

Aline Teles disse...

Vivemos em uma sociedade que massacra autenticidade, mas deixar de ser quem tu és não é a melhor alternativa. Somos todos imperfeitos. Beijos.

Isa Sá disse...

Que os sonhos nos guiem sempre no bom sentido.

Isabel Sá
https://brilhos-da-moda.blogspot.pt

Mari Mari disse...

AMEI esse. Lindo demais. Meu favorito aqui do blog até agora <3

Pérola disse...

Ser pessoa não é coisa fácil.

Beijinhos

Anderson Lopes disse...

Quanta beleza e singeleza!
Abraço, Dani!

Evandro L. Mezadri disse...

Belíssimo texto!
Resumiu perfeitamente o que nos envolve nessa sociedade tão doente em que vivemos!
Grande abraço, sucesso e ótima semana!

Brunno Lopez disse...

De uma sensibilidade brutal.
Pra mim, a melhor maneira de ser implacável.

Rapha Barreto disse...

Dani, venha comemorar o aniversário do blog!
http://mylife-rapha.blogspot.com.br/2015/03/aniversario.html

Beijos e boa semana!

Thalita Paiva disse...

Oi, Dani. Gostei do seu pela imagem do perfil de livros. Compartilhamos a mesma paixão: leitura!

Infelizmente, vivemos num mundo tão estranho, não? O passado nos assombra mesmo não querendo e o ódio reina. Que possamos nos camuflar apenas de coisas boas!