quarta-feira, 23 de julho de 2014

O sentimento do mundo

Ela não compreendia
mas sabia que sentia
todo o mundo. 

Daniela Silva

11 comentários:

Rosemary Lima disse...

Dani obrigada pela visita no blog, gostei muito daqui! Parabéns!
Visitarei sempre que possivel, estou seguindo!

Beijos!

Cristiano disse...

Intuição?

Bandys disse...

Oi Dani,

Gostei! Na verdade
não precisamos
compreender para sentir.

beijos

Dilly Monnete disse...

Todo mundo tem um mundo dentro de si.
(:

dillymonnete.blogspot.com

Patrícia N. disse...

Gostei do seu texto inicialmente pelo título, porque "Sentimento do Mundo" é meu livro favorito por todo o infinito e toda a eternidade. E essas três linhas foram tão suaves que me fizeram gostar mais ainda. A gente sente tudo, porque sentir é o nosso dever.

http://complicatedimperfect.blogspot.com.br

jair machado rodrigues disse...

Olá Dani, teu poema me lembrou outro do grande Carlos Drummond de Andrade:
" Pouco importa venha a velhice, que é a velhice?
Teu ombros suportam o mundo
e ele não pesa mais que a mão de uma criança.
As guerras, as fomes, as discussões dentro dos edifícios
provam apenas que a vida prossegue
e nem todos se libertaram ainda."
trecho de Os Ombros Suportam o Mundo.

Gyzelle Góes disse...

Ele não via o amor estendido no varal...

Rapha Barreto disse...

Nem sempre compreendemos o que sentimos, mas sentir já é suficiente.

Beijos e ótima semana

http://mylife-rapha.blogspot.com

Milena M. disse...

Esse livro é meu preferido de Drummond, e um dos meus preferidos da vida.
Engraçado como essa sensação que você descreveu é comum. Acho que quase todo mundo deve se sentir assim pelo menos uma vez na vida, como que carregando o mundo e senso sensível demais a ele.
Beijo!

Evandro L. Mezadri disse...

Falou muito com poucas palavras, perfeito!
Grande abraço, sucesso e um ótimo final de semana!

Vitor Costa disse...

Dani, seus poucos, porém densos versos me lembraram um outro trecho de uma poesia de Drummond que adoro:

"Mundo mundo vasto mundo, se eu me chamasse Raimundo seria uma rima, não seria uma solução. Mundo mundo vasto mundo, mais vasto é meu coração."

A gente realmente não entende o que sente.